segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

Dança uma ciranda?


"Vem de um lugar chamado Flores
Esta ciranda
De tantas cores
Vem nos aliviar as dores
Os maus olhados
Os dissabores

Ó, cirandeiro, cirandeiro
Que faz ciranda o tempo inteiro
Só por folia
Só por amor (...)" Ciranda, canção de Gilberto Gil.

Ciranda das cores, um colar de crochê.

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

domingo, 10 de dezembro de 2017

Amar em cores

*amar é um elo
entre o azul
e o amarelo", Haicai de Paulo Leminski.

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

Amar

"Amar é mudar a alma de casa", Mário Quintana.

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

Talimã de Oyá

"Oyá é grande o bastante pra carregar o chifre de búfalo
Mulher caçadora
Mulher que se quebra ao meio como se fosse uma cabaça
Mulher guerreira que carrega sua arma de fogo
Oyá vagueia com elegância, como se fosse uma Fulani
Eeepa Oyá, que tem nove filhos, eu te saúdo!" Oriki de Oyá
.
Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

quarta-feira, 22 de novembro de 2017

Beleza

"Que a beleza do que você ama seja o que você faz."
(Rumi)

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Altares

"Dentro de mim, existe um espaço sagrado onde guardo minhas preciosidades.
Às vezes, faço uma faxina lá e mudo tudo de lugar. Não é por maldade, é só vontade de ver um outro ângulo das coisas.
Eu não gosto do olhar acostumado. Não gosto de ver um objeto num objeto, porque tudo pra mim tem entidade humana. E gente me tira o fôlego, vejo belezas demais quando amo, e amo sempre e tanto." (Maila Queiroz)

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

terça-feira, 14 de novembro de 2017

Saudade


"Navio que partes para longe,
Por que é que, ao contrário dos outros,
Não fico, depois de desapareceres, com saudades de ti? 
Porque quando te não vejo, deixaste de existir.
E se se tem saudades do que não existe,
Sinto-a em relação a cousa nenhuma;
Não é do navio, é de nós, que sentimos saudade. " Navio que partes para longe, poema de Alberto Caeiro, in "Poemas Inconjuntos"

Colagem sobre cartão postal da obra "Saudade", do pintor Almeida Junior.

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Gosto das flores, das cores...


"Entre as prendas com que a natureza
Alegrou este mundo onde há tanta tristeza
A beleza das flores realça em primeiro lugar
É um milagre do aroma florido
Mais lindo que todas as graças do céu
E até mesmo do mar (...)". Rancho das flores, canção de Vinícius de Moraes.

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

segunda-feira, 24 de julho de 2017

Pequenina, colar de crochê

"São tão claros os presságios e os encontros dessa vida
Quando as partes combinadas surgem numa mesma estrada
E na dimensão dos sonhos sobre a sombra das palavras
É que eu mando um abraço pra ti pequenina 
Flor vermelha tão cheirosa, tão bonita e amorosa
Onde a essência dessa história paira plena na memória
Não pergunte pelo tempo, pois o tempo foi-se embora
O futuro e a luz da manhã não demoram." Pequenina, canção de Renato Teixeira

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Exagerado, casaco de crochê

"Exagerado
Jogado aos teus pés
Eu sou mesmo exagerado
Adoro um amor inventado. " Exagerado, canção de Cazuza.


Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

terça-feira, 11 de julho de 2017

São Francisco, poster lambe

"Lá vai São Francisco 
De pé no chão 
Levando nada 
No seu surrão 
Dizendo ao vento 
Bom dia, amigo 
Dizendo ao fogo 
Saúde, irmão. 

Lá vai São Francisco 
Pelo caminho 
Levando ao colo 
Jesus Cristinho 
Fazendo festa 
No menininho 
Contando histórias 
Pros passarinhos." São Francisco, canção de Vinicius de Moraes.


Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

terça-feira, 4 de julho de 2017

Sereia encantada

De tanto me encantar virei sereia.
(desenho sobre papel em impressão digital)

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

segunda-feira, 3 de julho de 2017

Sereia, colagem digital


Ela é das águas e mora no fundo do mar
Serei, Sereia
Como é lindo ouvir do fundo do mar
O canto de uma sereia.


Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

terça-feira, 27 de junho de 2017

Retratos

"Os antigos retratos de parede
não conseguem ficar longo tempo abstratos.

Às vezes os seus olhos te fixam, obstinados
porque eles nunca se desumanizam de todo.

Jamais te voltes para trás de repente.
Não, não olhes agora!

O remédio é cantares cantigas loucas e sem fim...
Sem fim e sem sentido...

Dessas que a gente inventava para enganar
a solidão dos caminhos sem lua." Os retratos, poema de Mario Quintana.


Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

terça-feira, 23 de maio de 2017

Beleza, flores de crochê


"Sofro por causa do meu espírito de colecionador-arqueólogo. Quero pôr o bonito numa caixa com chave para abrir de vez em quando e olhar." Adélia Prado.

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

quarta-feira, 29 de março de 2017

segunda-feira, 27 de março de 2017

Roda ciranda, colar de crochê

"Ciranda de roda
De samba de roda da vida
Que girou, que gira
Na roda da saia rendada
Da moça que dança a ciranda
Ciranda da vida 
Que gira e faz girar a roda
Da vida que gira." Roda ciranda, samba de Martinho da Vila.

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

terça-feira, 7 de março de 2017

Poemas em pratos

"Com você o sonho (só) pode ser real."
"Na roda. No furacão."
"Eu só sei se sou, só sendo eu só."
"Got a present: meu coração."

Poemas e técnica mista em pratos reciclados.

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!


quarta-feira, 6 de julho de 2016

Viva la vida!

“Há alguns que nascem com estrelas e outros com mais algumas, e mesmo que você não queira acreditar, nasci com constelações.” Frida Kahlo.
Hoje é aniversário do nascimento de de Frida Kahlo.
Amor Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

quinta-feira, 30 de junho de 2016

Mãe dos ventos e dos raios

Salve Oyá, Mãe dos ventos, Senhora das tempestades!
Mãe que afugenta para bem longe os que nos querem fazer mal, guerreira e corajosa, defende seus filhos com a espada de cobre.
Mãe da alegria e do bom viver, que seus ventos abram nossos meus caminhos, encorajem as nossas almas e alegrem o nosso coração. Cuida de nós e nos dê a sua proteção, Mãe dos raios! Eparrei Oyá!

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

sexta-feira, 24 de junho de 2016

Viva São João!

Salve, menino São João! Hoje, lembramos-te ainda menino, saltando de alegria no ventre de Izabel. Ao ouvir a voz da Virgem Maria ficastes cheio do Espírito Santo.
Hoje, lembramos teu nascimento miraculoso, filho de uma mulher antes estéril e de idade avançada, motivo de admiração para muitos em Israel.
Vinde, São João Batista, orai por nós!
Aplanai nossos caminhos e endireitai as nossas veredas. Assim como fostes à frente do Senhor, segue à nossa frente e afastai os nossos inimigos visíveis e invisíveis e, como profetizastes, lançai-os longe de nós.
Tu, que és o maior entre os nascidos de mulher, como disse o próprio Cristo, velai por nós e nunca seremos desvalidos. Que sigamos o Cordeiro que tira o pecado do mundo, com a tua proteção, e que nos acompanhem sempre a saúde, a prosperidade e o amor, para que, com humildade e alegria, sempre louvemos a bondade eterna e divina do Senhor nosso Deus. São João Batista, ouça a nossa oração! Amém!
Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

quarta-feira, 22 de junho de 2016

Encanto

Diante da vida, eu jamais tenho o prazer do espetáculo. Eu vivo. Isso de morrer não tem importância, o importante é viver um pouco agitando e encantando a vida. Pra mim, viver é gastar a vida." Diante da Vida, Mario de Andrade.

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

segunda-feira, 20 de junho de 2016

Feliz Inverno!


"Inverno
É tudo o que sinto
Viver
É sucinto." Paulo Leminski

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão
!

sábado, 18 de junho de 2016

Mãe de Deus, olha por nós!

Senhora Aparecida, virgem das mãos postas e do sorriso compassivo, intercedei por nós junto ao vosso filho Jesus, para que não falte a ninguém o pão de cada dia, nem a paz e a harmonia em todos os lares e na minha família. Dai-nos a vossa proteção e a graça dos frutos da fé e do amor. Mãe de Deus, olha por nós, amém! 

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

quinta-feira, 16 de junho de 2016

Aquarius

"Quando a lua estiver na sétima casa
E Júpiter alinhar-se com Marte
Então a paz guiará os planetas
E o amor dirigirá as estrelas

Este é começo da Era de Aquarius
A Era de Aquarius
Aquarius!
Aquarius!

Harmonia e compreensão
Simpatia e confiança existirá
Não mais falsidade ou escárnio
Devaneios dourados de visões
Revelação de cristal místicos
E a verdadeira liberação da mente
Aquarius!
Aquarius!" Aquarius, canção de Hair.

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

terça-feira, 14 de junho de 2016

Bonita

"estás tão bonita hoje. quando digo que nasceram 
flores novas na terra do jardim, quero dizer 
que estás bonita. 

entro na casa, entro no quarto, abro o armário, 
abro uma gaveta, abro uma caixa onde está o teu fio 
de ouro. 

entre os dedos, seguro o teu fino fio de ouro, como 
se tocasse a pele do teu pescoço. 

há o céu, a casa, o quarto, e tu estás dentro de mim. 

estás tão bonita hoje (...)" A mulher mais bonita do mundo, poema de José Luis Peixoto.

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

sexta-feira, 10 de junho de 2016

Tintas, poncho de crochê

"Há um momento em que é preciso abandonar as roupas usadas que já têm a forma do nosso corpo e esquecer os caminhos antigos que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia - e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos."(Fernando Pessoa)
Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

quinta-feira, 9 de junho de 2016

Sonho com você

Com você o sonho (só) pode ser real
Pintura em louça (prato raso reciclado)
Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

quarta-feira, 8 de junho de 2016

Sonho colorido

"Sonhei que pintei
Minhas noites de amarelo
Lindas estrelas no meu céu eu coloquei
O feio que era feio ficou belo
Até o vento do meu mundo eu perfumei
Numa apoteose de poesia
Um conjunto de harmonia
Uma lua roxa pra iluminar
As águas cor de rosa do meu mar (...) Sonho colorido, canção de Tom Zé.

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

sexta-feira, 3 de junho de 2016

Viajante

"A gente sempre deve sair à rua como quem foge de casa,
Como se estivessem abertos diante de nós todos os caminhos do mundo.
Não importa que os compromissos, as obrigações, estejam ali...
Chegamos de muito longe, de alma aberta e o coração cantando!" A verdadeira arte de viajar, poema de Mario Quintana.

Amor, paz e Luz! Beijos e Gratidão!

quinta-feira, 2 de junho de 2016

Campo verde

"Da minha aldeia vejo quanto da terra se pode ver do Universo...
Por isso a minha aldeia é tão grande como outra terra qualquer,
Porque eu sou do tamanho do que vejo
E não do tamanho da minha altura...

Nas cidades a vida é mais pequena
Que aqui na minha casa no cimo deste outeiro.
Na cidade as grandes casas fecham a vista à chave,
Escondem o horizonte, empurram o nosso olhar para longe de todo o céu,
Tornam-nos pequenos porque nos tiram o que os nossos olhos nos podem dar,
E tornam-nos pobres porque a nossa única riqueza é ver." Guardador de Rebanhos VII, Alberto Caeiro.

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

terça-feira, 31 de maio de 2016

Mãezinha do Céu

"Mãezinha do céu, eu não sei rezar
Eu só sei dizer, eu quero te amar
Azul é seu manto, branco é seu véu
Mãezinha eu quero te ver lá no céu"
Colagem em pires de café reciclado
Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

segunda-feira, 23 de maio de 2016

Rosas de inverno

"Quando está frio no tempo do frio, para mim é como se estivesse agradável,
Porque para o meu ser adequado à existência das coisas
O natural é o agradável só por ser natural.

Aceito as dificuldades da vida porque são o destino,
Como aceito o frio excessivo no alto do Inverno-
Calmamente, sem me queixar, como quem meramente aceita,
E encontra uma alegria no facto de aceitar-
No facto sublimemente científico e difícil de aceitar o natural inevitável (...)" Quando está frio, poema de Alberto Caeiro.

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

quinta-feira, 19 de maio de 2016

Inverno roxo, casaco de crochê

"Agora é inverno
e no mundo uma só cor;
o som do vento." poema de Matsuo Masho

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

terça-feira, 17 de maio de 2016

Mãe que me abraça


"Senhora das Águas Claras, da Vida e do Amor venha nos proteger.
Águas Claras! Águas de Deus! Bendita sejam as águas que Jesus benzeu!
Odo yá, Iemanjá!"

Colagem em louça (pires de chá reciclado)

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

sexta-feira, 29 de abril de 2016

Delicadeza

"O meu olhar é nítido como um girassol.
Tenho o costume de andar pelas estradas
Olhando para a direita e para a esquerda,
E de vez em quando olhando para trás...
E o que vejo a cada momento
É aquilo que nunca antes eu tinha visto,
E eu sei dar por isso muito bem...
Sei ter o pasmo essencial
Que tem uma criança se, ao nascer,
Reparasse que nascera deveras...
Sinto-me nascido a cada momento
Para a eterna novidade do Mundo (...)" Guardador de Rebanhos II, Alberto Caeiro.

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

segunda-feira, 25 de abril de 2016

Feliz semana!

"Nada é absoluto. Tudo muda, tudo se move, tudo gira, tudo voa e desaparece." Frida Khalo.
Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão
!

terça-feira, 19 de abril de 2016

Viva Santo Expedito!

Oração a Santo Expedito

Meu Santo Expedito das causas justas e urgentes interceda por mim junto ao Nosso Senhor Jesus Cristo. Socorra-me nesta hora de aflição e de desespero, meu Santo Expedito.
Vós que sois um Santo guerreiro, Vós que sois o santo dos aflitos, Vós que sois o santo dos desesperados, Vós que sois o santo das causas urgentes, proteja-me.
Ajuda-me, dai-me força, coragem e serenidade. Atenda meu pedido (fazer o pedido), meu Santo Expedito! Ajuda-me a superar estas horas difíceis, proteja-me de todos os que possam me prejudicar. Proteja minha família; atenda o meu pedido com urgência.
Devolva-me a paz e a tranqüilidade, meu Santo Expedito! Serei grato pelo resto de minha vida e levarei seu nome a todos que têm fé. Santo Expedito rogai por nós! Amém!

Hoje é dia de Santo Expedito, o santo das causas urgentes e dos aflitos. Salve, Santo Expedito!

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão! 

quinta-feira, 14 de abril de 2016

Inocência

"(...) Creio no mundo como num malmequer, 
Porque o vejo. Mas não penso nele 
Porque pensar é não compreender ... 
O Mundo não se fez para pensarmos nele 
(Pensar é estar doente dos olhos) 
Mas para olharmos para ele e estarmos de acordo... 

Eu não tenho filosofia: tenho sentidos... 
Se falo na Natureza não é porque saiba o que ela é, 
Mas porque a amo, e amo-a por isso, 
Porque quem ama nunca sabe o que ama 
Nem sabe por que ama, nem o que é amar ... 

Amar é a eterna inocência, 
E a única inocência não pensar..." Meu olhar, Alberto Caeiro.

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

sexta-feira, 8 de abril de 2016

Dois peixes e um coral

"Assim moro em meu sonho:
Como um peixe no mar.
O que sou é o que vejo.
Vejo e sou o meu olhar.

Água é o meu próprio corpo,
Simplesmente mais denso.
E meu corpo é minha alma,
E o que sinto é o que penso (...)" Canção, poema de Cecília Meireles.

Amor, Paz e Luz! beijos e Gratidão!

segunda-feira, 4 de abril de 2016

Um jardim para Patrícia

“Todo jardim começa com uma história de amor. Antes que qualquer árvore seja plantada ou um lago construído, é preciso que eles tenham nascido dentro da alma.
Quem não planta jardim por dentro, não planta jardins por fora e nem passeia por eles.” Rubem Alves.

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

Mágico, colar de crochê

Há em nós uma estrela. Quero, estrela minha, fazer-te cada dia mais visível. Irradiando; expandindo em cores. Uma mandala. Um círculo mágico; energia em movimento. Um começo. Um caminho. O fim e o recomeço. 

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

Bloco das Flores, colar de crochê

"Felinto, Pedro Salgado, 
Guilherme, Fenelon
Cadê teus blocos famosos?
Bloco das Flores, Andaluzas, Pirilampos, Apôis-fum
Dos carnavais saudosos

Na alta madrugada
O coro entoava
Do bloco a marcha-regresso

E era um sucesso dos tempos ideais
Do velho Raul Moraes
Adeus, adeus minha gente
Que já cantamos bastante
Recife adormecia
Ficava a sonhar
Ao som da triste melodia." Evocação n. 1, frevo de bloco de Nelson Ferreira.

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

Viva os Santos Reis!

"Deus que salve a casa santa
Onde Deus fez a morada
Onde mora o calix bento
E a hóstia consagrada

Os três reis tiveram notícia
Que havia um nascimento
Todos seguiram viagem
Com grande contentamento

Viajaram dia e noite
A caminho de Belém
Visitaram Deus Menino
Que nasceu pro nosso bem

No instante nas altura
Brilhou a estrela da guia
Pra mostrar aonde estava
O filho da Virgem Maria

Agradecemos a esmola
E o seu amor também
Os três reis me abençoa
E volta no ano que vem". Canção da Folia de Reis ou Reisado..

Simpatia dos Reis Magos para boas energias, para trazer sorte, amor, dinheiro, paz e o alívio de sofrimentos. No dia de Reis, escreva com lápis, no batente superior da porta da entrada da sua casa, os nomes dos três Reis Magos (Baltazar, Gaspar e Melquior), um ao lado do outro e faça a seguinte oração: “Assim como trouxeram luz para Jesus, que tragam boas energias para a minha casa, protegendo os meus familiares. Amém”.

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

domingo, 3 de janeiro de 2016

sábado, 2 de janeiro de 2016

Gratidão, queridos amigos!

Quando novamente
A luz do dia se apagar
Ainda resta a luz na casa
Lá no meu quintal.

Amor, Paz e Luz! Beijos e feliz 2016!

quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Feliz 2016!

Seja bem vindo 2016!

Feliz Ano Novo, queridos amigos! Emoticon heart
Happy New Year, dears friends! Emoticon heart

Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

sábado, 26 de dezembro de 2015

terça-feira, 22 de dezembro de 2015

Entardecer no verão, colar de crochê

"No entardecer dos dias de Verão, às vezes,
Ainda que não haja brisa nenhuma, parece
Que passa, um momento, uma leve brisa... 
Mas as árvores permanecem imóveis
Em todas as folhas das suas folhas
E os nossos sentidos tiveram uma ilusão,
Tiveram a ilusão do que lhes agradaria...
Ah, os sentidos, os doentes que vêem e ouvem!
Fôssemos nós como devíamos ser
E não haveria em nós necessidade de ilusão ...
Bastar-nos-ia sentir com clareza e vida
E nem repararmos para que há sentidos ...
Mas graças a Deus que há imperfeição no Mundo
Porque a imperfeição é uma cousa,
E haver gente que erra é original,
E haver gente doente torna o Mundo engraçado.
Se não houvesse imperfeição, havia uma cousa a menos,
E deve haver muita cousa
Para termos muito que ver e ouvir ... " Alberto Caeiro, in "O Guardador de Rebanhos - Poema XLI" (Heterónimo de Fernando Pessoa)
Amor, Paz e Luz! Beijos e Gratidão!

segunda-feira, 21 de dezembro de 2015